O bilinguismo precoce afeta no desenvolvimento da criança?

 

Bookshelves_20140831_IMG_0989-560x373


 

Autora: Michele Canola Rojas

Curta nossa página: https://www.facebook.com/bilingualeducationactivities

Muitos pais e professores alguma vez na vida já se perguntaram se o bilinguismo na infância prejudica o desenvolvimento da criança em funções cognitivas. No ambiente escolar, os alunos são avaliados, há também uma preocupação se eles terão sucesso na leitura, escrita e fala.

Essas dúvidas surgem em nossa sociedade, porém em países bilíngues a dúvida é constante. Países como o Canadá, cujas línguas oficiais são: inglês e francês, os pais se perguntam todo tempo.

Os pesquisadores sempre colocam na mesa que devemos saber o que acontece na vida da criança. De onde elas são, quantas línguas são faladas dentro de casa, se a criança já é bilíngue ou se vai começar a aprender outra língua no momento que entra na escola. Não há como descartar a base social e linguística desta criança, ou seja, toda sua bagagem deve ser levada em conta quando a aprendizagem se inicia.

A pesquisadora Canadense, Hellen Bialystok, York University, em Toronto no Canadá, Phd, pesquisadora sobe o bilinguismo questiona em sua pesquisa: Aquisição do segundo idioma e bilinguismo  na primeira infância e seu impacto sobre o desenvolvimento cognitivo inicial, questionou e respondeu pontos bem importantes:

  1. “Em primeiro lugar, é necessário estabelecer se a aquisição de linguagem ocorre no mesmo ritmo e da mesma forma em crianças que aprendem simultaneamente dois idiomas ou que estão aprendendo um segundo idioma depois de terem dominado um primeiro.

  1. Em segundo lugar, serão as crianças capazes de adquirir habilidades de leitura e escrita na escola, sendo elas bilíngues ou estando elas aprendendo um segundo idioma, particularmente se seu idioma materno não é o idioma de instrução?

  1. Por fim, haverá consequências sobre o desenvolvimento cognitivo normal em termos da capacidade da criança de adquirir novos conceitos ou de desempenhar diversos cálculos – por exemplo, em aritmética –, especialmente se a instrução escolar se dá no idioma no qual a proficiência da criança é mais limitada”.

Segundo BIALYSTOK (2006), as respostas para essas perguntas foram surpreendentes, as crianças bilíngues podem ter um vocabulário menor nos dois idiomas, porém a consciência metalinguística (compreensão da estrutura da língua) é tão boa e muitas vezes melhor do que as crianças monolíngues.

Aos professores curiosos sobre o desenvolvimento da leitura, isso depende da relação das duas línguas, como por exemplo o Português e Inglês são línguas que têm relação, as diferenças destas não são tão profundas quanto ao português/chinês, por exemplo. Ela ainda aponta em seus estudos que as crianças bilíngues não se atrasam na relação do ensino/aprendizagem em relação às crianças monolíngues.

Eles terão sim muito sucesso em ser muito mais comunicativos e criativos. Percebemos sim em nossa rotina escolar o quanto nossos alunos aprendem o que ensinamos, o quanto eles têm mente aberta para aprender novos conteúdos. Podemos sim ficar cada dia mais motivados a ensinar, porque cada dia mais entendendo que nossos alunos são capazes, criativos e acima de tudo felizes por verem o mundo de uma forma diferente. 


Referências:

Bialystok E. Aquisição do segundo idioma e bilinguismo na primeira infância e seu impacto sobre o desenvolvimento cognitivo inicial. In: Tremblay RE, Boivin M, Peters RDeV, eds. Enciclopédia sobre o Desenvolvimento na Primeira Infância [on-line]. Montreal, Quebec: Centre of Excellence for Early Childhood Development; 2011:1-5.

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s